Arquivos
 10/07/2016 a 16/07/2016
 12/04/2015 a 18/04/2015
 22/03/2015 a 28/03/2015
 15/03/2015 a 21/03/2015
 01/03/2015 a 07/03/2015
 22/02/2015 a 28/02/2015
 15/02/2015 a 21/02/2015
 01/02/2015 a 07/02/2015
 25/01/2015 a 31/01/2015
 18/01/2015 a 24/01/2015
 04/01/2015 a 10/01/2015
 30/11/2014 a 06/12/2014
 16/11/2014 a 22/11/2014
 02/11/2014 a 08/11/2014
 26/10/2014 a 01/11/2014
 14/09/2014 a 20/09/2014
 31/08/2014 a 06/09/2014
 20/07/2014 a 26/07/2014
 13/07/2014 a 19/07/2014
 06/07/2014 a 12/07/2014
 08/06/2014 a 14/06/2014
 04/05/2014 a 10/05/2014
 20/04/2014 a 26/04/2014
 16/03/2014 a 22/03/2014
 02/03/2014 a 08/03/2014
 23/02/2014 a 01/03/2014
 29/12/2013 a 04/01/2014
 08/09/2013 a 14/09/2013
 21/07/2013 a 27/07/2013
 07/07/2013 a 13/07/2013
 05/05/2013 a 11/05/2013
 31/03/2013 a 06/04/2013
 17/03/2013 a 23/03/2013
 16/12/2012 a 22/12/2012
 18/11/2012 a 24/11/2012
 23/09/2012 a 29/09/2012
 29/07/2012 a 04/08/2012
 15/07/2012 a 21/07/2012
 03/06/2012 a 09/06/2012
 15/04/2012 a 21/04/2012
 18/03/2012 a 24/03/2012
 04/03/2012 a 10/03/2012
 26/02/2012 a 03/03/2012
 19/02/2012 a 25/02/2012
 16/10/2011 a 22/10/2011
 04/09/2011 a 10/09/2011
 31/07/2011 a 06/08/2011
 19/06/2011 a 25/06/2011
 09/08/2009 a 15/08/2009
 05/07/2009 a 11/07/2009
 10/05/2009 a 16/05/2009
 29/06/2008 a 05/07/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 25/11/2007 a 01/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 01/07/2007 a 07/07/2007
 29/04/2007 a 05/05/2007
 22/04/2007 a 28/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 03/12/2006 a 09/12/2006

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Rock Brado
 


Críticas inóquas – 1

 

 

Uma tática manjada para se destacar na mídia é criar um tipo polêmico. Esse não é o caso do Eremita. Ele está se lixando para a mídia. O que ele gosta é de expressar o que sente. Portanto, mesmo correndo o risco de cometer um pecado perante São João (Lennon) e São Jorge (Harrison), ele assume: “não acho o Sgt. Pepper’s o melhor disco de todos os tempos! Nem mesmo o melhor dos Beatles!”. Como o Sgt. Pepper’s fez 40 anos de lançamento em 2.007, um monte de gente foi buscar aqueles velhos axiomas (humm...): “o primeiro álbum conceitual da história”; “o primeiro com as letras” etc etc. O Eremita, fanzaço dos Beatles (ele viveu o finzinho da Beatlemania), gosta da capa, que é bem produzida e também gosta de algumas faixas como, é óbvio, “A day in a life” e “With a little help from my friends“, esta, aliás, ficou muito melhor na versão do Joe Cocker, é inegável. Mas, o Eremita acha outros discos bem melhores que o Sgt. Pepper’s, como é o caso da trilha do “Hard day’s night” ou o “Revolver”. Como todos os outros discos dos Beatles, “Sgt. Peppers” é excelente. Mas, tem um pouco de orquestra demais! Alguns arranjos são muito pomposos! E, para falar a verdade, que conceito que tem no disco? Será porque as faixas são ligadas umas às outras? Mas, cada uma não conta uma história independente? O que tem a ver, por exemplo, “Lucy in the sky with diamonds” com “Lovely Rita”? Até hoje o burro do eremita não sacou que catso de conceito tem nesse disco. Mas, isso não interessa.  É o melhor disco de todos os tempos e pronto. Saiu na Folha e em um monte de outras mídias importantes. Não é o Eremita que vai mudar isso. A história do Rock e da música Pop está cheia desses casos. Em algum momento algumas pessoas decidiram acreditar em uma história e trataram de espalhar aquilo como verdade. Dali para frente aquilo passou a ser imutável, repetido cem por cento das vezes em que o assunto é citado. É como falar do Eric Clapton sem dizer que foi pichado nas ruas de Londres a frase “Eric is God”. Mas (notem, já é o quarto “mas”, o que revela pobreza de estilo), é a hora para fazer uma revelação! Quem pintou tal frase foi um amigo do Eremita, o Zé, que era ruim de inglês. Ele morava fazia apenas poucas semanas na Inglaterra e não suportava a comida dos londrinos. Sua salvação era uma pizzaria que ele descobriu ali na Baker St. O Zé quis homenagear seu amigo recente, o Eric, que era o pizzaiolo, e pensou em escrever “Eric is good pizzaiolo” (ele ainda não sabia que deveria colocar o artigo indefinido “a”, logo após o “is”) em um muro perto da pizzaria, como uma modesta homenagem. Só que o texto saiu errado, “god”, em vez de “good”. Também não deu para completar a frase, porque a polícia o pegou no flagra e o deportou. Pena que o Zé não pôde contar ao mundo o caso da tal frase famosa. Até agora, só o Eremita sabia disso, porque o Zé ligou para ele do aeroporto e contou tudo. Logo depois, ele foi atropelado pelo Brian Jones e morreu. Mas, essa é outra história, que o Eremita conta qualquer dia.



Escrito por cucci às 22h53
[] [envie esta mensagem
]



 
  [ Ver arquivos anteriores ]