Arquivos
 10/07/2016 a 16/07/2016
 12/04/2015 a 18/04/2015
 22/03/2015 a 28/03/2015
 15/03/2015 a 21/03/2015
 01/03/2015 a 07/03/2015
 22/02/2015 a 28/02/2015
 15/02/2015 a 21/02/2015
 01/02/2015 a 07/02/2015
 25/01/2015 a 31/01/2015
 18/01/2015 a 24/01/2015
 04/01/2015 a 10/01/2015
 30/11/2014 a 06/12/2014
 16/11/2014 a 22/11/2014
 02/11/2014 a 08/11/2014
 26/10/2014 a 01/11/2014
 14/09/2014 a 20/09/2014
 31/08/2014 a 06/09/2014
 20/07/2014 a 26/07/2014
 13/07/2014 a 19/07/2014
 06/07/2014 a 12/07/2014
 08/06/2014 a 14/06/2014
 04/05/2014 a 10/05/2014
 20/04/2014 a 26/04/2014
 16/03/2014 a 22/03/2014
 02/03/2014 a 08/03/2014
 23/02/2014 a 01/03/2014
 29/12/2013 a 04/01/2014
 08/09/2013 a 14/09/2013
 21/07/2013 a 27/07/2013
 07/07/2013 a 13/07/2013
 05/05/2013 a 11/05/2013
 31/03/2013 a 06/04/2013
 17/03/2013 a 23/03/2013
 16/12/2012 a 22/12/2012
 18/11/2012 a 24/11/2012
 23/09/2012 a 29/09/2012
 29/07/2012 a 04/08/2012
 15/07/2012 a 21/07/2012
 03/06/2012 a 09/06/2012
 15/04/2012 a 21/04/2012
 18/03/2012 a 24/03/2012
 04/03/2012 a 10/03/2012
 26/02/2012 a 03/03/2012
 19/02/2012 a 25/02/2012
 16/10/2011 a 22/10/2011
 04/09/2011 a 10/09/2011
 31/07/2011 a 06/08/2011
 19/06/2011 a 25/06/2011
 09/08/2009 a 15/08/2009
 05/07/2009 a 11/07/2009
 10/05/2009 a 16/05/2009
 29/06/2008 a 05/07/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 06/01/2008 a 12/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 25/11/2007 a 01/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 01/07/2007 a 07/07/2007
 29/04/2007 a 05/05/2007
 22/04/2007 a 28/04/2007
 08/04/2007 a 14/04/2007
 01/04/2007 a 07/04/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 03/12/2006 a 09/12/2006

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Rock Brado
 


Um dia desses entrei em um sebo, coisa que, por sinal, adoro fazer, e recebi um folheto de propaganda que continha um artigo comparando o LP com o CD. Lembrei-me do texto de mesmo teor que eu havia inserido na “Discografia Brasileira do Deep Purple” (quer ler? Baixe grátis – veja o link aí embaixo) e resolvi publicá-lo neste recalcitrante blog, com pequenas adaptações.

http://www.4shared.com/folder/7ER-cWo1/Textos_dO_Eremita.html

 

A velha discussão: Vinil X CD

 

Aproveitando o espaço, deixo aqui minha opinião sobre mais esta questão que os Rockeiros adoram discutir - qual mídia é melhor, o vinil ou o CD? De cara, já vou registrando minha preferência: o CD.

Eu comecei ouvindo Rock quando só existia o vinil. Certas justificativas dos defensores do vinil eu vivenciei, como o fato da parte gráfica ser muito mais valorizada pelo tamanhão do LP. Eu era um dos que ficava horas observando as capas, enquanto ouvia os respectivos discos. Nesse ponto, não dá para discutir, o LP ganha de longe do CD. Mas, pera lá! O que é mais importante no Rock, ouvir a música ou ficar observando a capa? Para mim, é óbvio que é a música. Nesse ponto novamente os defensores do vinil entram com seus argumentos anti-CD, citando o som muito melhor que o bolachão tem, valorizando os graves, com melhor resposta de  transientes (que diabo será isso?) etc etc. É aí que eu discordo. No aspecto sonoro as vantagens do CD, a meu ver, são várias.

Primeiro: os chiados. Não existem no CD. Por mais bem cuidado que seja o vinil e por melhor que sejam a prensagem e a qualidade do material, é praticamente impossível eliminar ruídos intrusos provocados, em parte, pelo simples fato que o som do LP vem de uma interação mecânica - e o consequente e inevitável atrito - da agulha com os sulcos. Para a maioria absoluta das músicas, os chiados podem passar desapercebidos. Mas, tente ouvir o começo da “Endless enigma” do ELP em vinil. Assim como em um monte de outros casos, a audição em CD é uma garantia da ausência de estalados e pipocados alienígenas.

O tal atrito dá a segunda vantagem ao CD – a durabilidade. Como não existe contato mecânico entre o disco e o equipamento, o CD tem vida útil indeterminada. Mesmo você, Rockeiro que investiu uma grana em equipamentos, como toca-discos ultra precisos e agulhas de última geração e que cuida de seus discos como se fosse um daqueles restauradores de objetos de arte, sabe que o vinil é frágil e não suporta seguidas audições de fanáticos. Se até hoje eu só tivesse o primeiro “Machine Head” que comprei, por mais cuidado que eu tomasse, provavelmente seus sulcos já estariam retificados. E essa é uma característica dos amantes do Rock. Costumamos ouvir muitas e muitas vezes os mesmos discos.

Uma terceira vantagem – a praticidade. Os CDs são pequenos e, portanto, fáceis de guardar. Comportam mais música que o LP. Não precisam ser virados. Oferece o delicioso privilégio de permitir que gravemos nossas próprias seleções de músicas. É verdade que isto já foi superado por uma tecnologia mais recente, o pendrive, uma mídia ainda mais prática, mas ainda conta como vantagem.

Quanto à diferença na qualidade do som, ela é relativa. Em um mundo em que a maioria ouve música no formato MP3, utilizando fones de ouvido ou no carro, fica claro que, em matéria da qualidade do som, são poucos os perfeccionistas. Esses puristas, entretanto, garantem que percebem nuances no som favoráveis ao vinil. Eu respeito, é claro, mas, acho que esse papo caberia mais aos amantes de música clássica, na qual as filigranas importam. Para ouvir Hard Rock, sou mais o CD. Devo estar errado, pois voltaram a fabricar discos em vinil. Mas, tenho uma defesa forte: entendo que isso é mais uma conjunção de saudosismo, fetiche por parte dos consumidores e marketing esperto das gravadoras do que uma desistência dos ouvintes em relação ao formato digital.

Agora, o argumento final: o fato é que eu não percebo as tais diferenças brutais entre o som do vinil e do CD, incluindo aquelas que ocorrem com os tais transientes. Sabe como é, como boa parte dos Rockeiros, o Eremita tá ficando cada vez mais velho e, consequentemente, cada vez mais surdo, consequência da época em que eu ouvia os meus discos de vinil com o volume no talo, compartilhando meu refinado gosto musical com toda a vizinhança.



Escrito por cucci às 10h07
[] [envie esta mensagem
]



 
  [ Ver arquivos anteriores ]